Paróquia de Ruivães. O que por cá se passa e muitos não sabem!

Sexta-feira, 16 de Janeiro de 2009
O evangelizador não se pode calar

Bispos Portugueses escrevem Nota Pastoral por ocasião dos 50 anos do Monumento a Cristo Rei

 

Numa Nota Pastoral por ocasião dos 50 anos do Monumento a Cristo Rei, os bispos portugueses desejam “o respeito pela laicidade positiva” e anunciam “que o evangelizador não se pode calar”.

Publicado hoje (16 de Janeiro), o documento realça que “ler a presença de Deus na história, à luz de Cristo, é fonte de novo ardor na construção do bem comum”. Quando o evangelizador denuncia as injustiças e tem “a resposta pronta e concreta às situações” acontece anúncio.

No último capítulo da Nota da Conferência Episcopal Portuguesa, os bispos realçam que o monumento a Cristo Rei (situado em Almada) apresenta “Cristo de coração e braços abertos, é um sinal eloquente da verdadeira imagem de Deus: humano e acolhedor, manso e humilde, um Deus que ama infinitamente a cada pessoa e a toda a humanidade”.

Este caminho de amor ao próximo impele os cristãos de “lutar sempre para libertar a sociedade do nosso tempo da escravidão e da injustiça, ser defensores da vida em todas as circunstâncias, ser capazes do perdão, estar atentos à salvaguarda da criação, ser construtores da paz e arautos da esperança”.

Ocorre a 17 de Maio de 2009 o cinquentenário da inauguração do Santuário a Cristo Rei, em Almada, na diocese de Setúbal. Os Bispos de Portugal consideram oportuno lembrar “o contexto deste empreendimento, focar os eixos da espiritualidade que o ergueram e aprofundar a mensagem deste Santuário para as comunidades cristãs”.

De facto, perante a "cruenta guerra civil na vizinha Espanha e o crescimento do desprezo por Deus, o monumento era acto de desagravo, mas sobretudo expressava gratidão a Cristo por Portugal gozar de paz e incentivava a exigência de um ressurgimento nacional inspirado, na linha da tradição, em Jesus Cristo, único Senhor" - refere a nota.

Depois de explicarem as razões que motivaram a construção do Santuário, os bispos apelam a um ardor renovado da nova evangelização. “Só assim se suscitará a adesão pessoal a Jesus Cristo e à Igreja de tantos homens e mulheres baptizados que vivem sem energia o cristianismo” – lê-se na Nota Pastoral.

 

In: Agência Ecclesia

 

Nota Pastoral por ocasião dos 50 anos do Monumento a Cristo Rei

 



publicado por Padre às 17:50
link do post | comentar

mais sobre mim
pesquisar
 
Novembro 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22

24
25
26
27
28
29
30


posts recentes

O evangelizador não se po...

arquivos
tags

todas as tags

links
as minhas fotos
Fazer olhinhos
subscrever feeds