Paróquia de Ruivães. O que por cá se passa e muitos não sabem!

Quinta-feira, 19 de Março de 2009
Descobrir o oculto

 

Deus pedirá contas, no dia de juízo, de tudo o que está oculto,
quer seja bom, quer seja mau. (Eclesiastes 12, 14)
 
Há quem se humilhe sob o peso da dor, mas o seu interior está cheio de malícia.
Esconde o rosto e faz-se passar por surdo; quando não for descoberto, dominar-te-á.
Se, por falta de forças, deixa de pecar, logo que tiver ocasião, praticará o mal.
Pelo semblante se conhece um homem, pelo aspecto do rosto se reconhece o sábio.
A maneira como um homem se veste e como sorri, e a sua maneira de andar
revelam aquilo que ele é. (Eclesiástico 19, 26-30)
 
Com efeito, os meus olhos estão postos sobre os seus caminhos,
que não me são ocultos, nem as suas iniquidades escapam à minha vista.
Primeiramente, pagarei a dobrar o salário das suas iniquidades e dos seus pecados,
porque profanaram a minha terra
e com os restos imundos dos seus ídolos
encheram a minha herança de abominações. (Jeremias 16, 17-18)
 
(...) não há nada escondido que não venha a descobrir-se,
nem há nada oculto que não venha a ser conhecido.
Se alguém tem ouvidos para ouvir, oiça. (Marcos 4, 22-23)

 

 



publicado por Padre às 23:50
link do post | comentar

Quarta-feira, 4 de Fevereiro de 2009
Renúncia de Braga para a «Casa Alavanca»

O fruto da renúncia quaresmal da diocese de Braga será orientada para a criação dum espaço capaz de recolher, durante todo o ano, tudo o que “seja útil aos pobres (material) e que, para nós, seja desnecessário” – realça a mensagem da Quaresma de D. Jorge Ortiga, Arcebispo de Braga. E acrescenta: “Ao mesmo tempo, ampliaremos o refeitório Social e criaremos um local para acolhimento temporário de carenciados”.

 

Ver notícia na: Agência Ecclesia

Ver ainda: Contributo Penitencial, e a Mensagem Quaresmal de D. Jorge Ortiga

 



publicado por Padre às 23:08
link do post | comentar

Papa convida ao jejum e à esmola na Quaresma

O Vaticano apresentou esta Terça-feira a mensagem de Bento XVI para a Quaresma, com um apelo ao jejum e à esmola nesse tempo de preparação para a Páscoa, tendo em vista a ajuda aos mais desfavorecidos.

 

 

In: Agência Ecclesia

Ver: Mensagem de Bento XVI para a Quaresma 2009

ou: Mensagem para a Quaresma

 



publicado por Padre às 22:47
link do post | comentar

Quarta-feira, 31 de Dezembro de 2008
Próspero Ano Novo

A mudança de ano torna-se motivo para comemorar em família ou em grupo de amigos, e fazem-se votos para o novo ano.

É oportunidade para recordar e avaliar os acontecimentos pessoais e do mundo do ano que termina, e estabelecer desejos para o novo ano.

 Os meus desejos são de aumentar o entusiasmo cristão. Que a caminhada espiritual nos faça sempre novos em Cristo. Comungo dos votos de sua Santidade Bento XVI para o Dia Mundial da Paz de Combater a pobreza, construir a paz.


A todos um Santo Ano de 2009, cheio das Bênçãos de Deus.

Padre Martinho

 


tags:

publicado por Padre às 18:44
link do post | comentar

Mensagem de Bento XVI para o Dia Mundial da Paz

Na Mensagem de Bento XVI para o Dia Mundial da Paz sublinha-se que «a disparidade entre ricos e pobres tornou-se mais evidente»

1. Desejo, também no Início deste novo ano, fazer chegar os meus votos de paz a todos e, com esta minha Mensagem, convidá-los a reflectir sobre o tema: Combater a pobreza, construir a paz. Já o meu venerado antecessor João Paulo II, na Mensagem para o Dia Mundial da Paz de 1993, sublinhara as repercussões negativas que acaba por ter sobre a paz a situação de pobreza em que versam populações inteiras. De facto, a pobreza encontra-se frequentemente entre os factores que favorecem ou agravam os conflitos, mesmo os conflitos armados. Estes últimos, por sua vez, alimentam trágicas situações de pobreza. «Vai-se afirmando (...), com uma gravidade sempre maior – escrevia João Paulo II –, outra séria ameaça à paz: muitas pessoas, mais ainda, populações inteiras vivem hoje em condições de extrema pobreza. A disparidade entre ricos e pobres tornou-se mais evidente, mesmo nas nações economicamente mais desenvolvidas. Trata-se de um problema que se impõe à consciência da humanidade, visto que as condições em que se encontra um grande número de pessoas são tais que ofendem a sua dignidade natural e, consequentemente, comprometem o autêntico e harmónico progresso da comunidade mundial».1

 

 

Continua em: ECCLESIA


tags: ,

publicado por Padre às 18:06
link do post | comentar

mais sobre mim
pesquisar
 
Novembro 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22

24
25
26
27
28
29
30


posts recentes

Descobrir o oculto

Renúncia de Braga para a ...

Papa convida ao jejum e à...

Próspero Ano Novo

Mensagem de Bento XVI par...

arquivos
tags

todas as tags

links
as minhas fotos
Fazer olhinhos
subscrever feeds